Printer Friendly

Information bulletin of the Department of Structures of the Technology Center of the UFPi: a legitimation strategy/BOLETIM INFORMATIVO DO DEPARTAMENTO DE ESTRUTURAS DO CENTRO DE TECNOLOGIA DA UFPI: UMA ESTRATEGIA DE LEGITIMACAO.

1. Consideracoes iniciais

Este trabalho apresenta um estudo sobre a publicacao do Boletim Informativo do Departamento de Estruturas e sua influencia no processo politico de escolha de diretores para o Centro de Tecnologia (CT) da Universidade Federal do Piaui (UFPI).

O Centro de Tecnologia, foi implantado atraves da Resolucao no. 38 do Conselho Universitario, a 25 de agosto de 1975, inicialmente constituido pelas Coordenacoes de Ciencias Agrarias e de Tecnologia. A partir do ano de 1978, houve o desmembramento da Coordenacao de Ciencias Agrarias dando origem aos Centros de Ciencias Agrarias e de Tecnologia, este ultimo estruturado em novos cursos e novos departamentos.

Com o lancamento do impresso o entao Chefe do Departamento de Estruturas, candidato ao cargo de Diretor, acreditava reunir as condicoes de levar a frente uma abertura politica no ct, contra a posse ao cargo por indicacao. Sendo assim, sinalizou que passaria os quatro anos seguintes trabalhando a ideia de sua candidatura. Surgem, a partir dai as estrategias de legitimacao de uma proposta de campanha politica, com destaque para a publicacao do Boletim Informativo.

Desse modo, e que se propoe, neste artigo de uma analise da primeira edicao do Boletim Informativo do Departamento de Estruturas do CT/UFPI-Brasil, de junho 1985, tomando como base a legitimacao de uma proposta de campanha politica presente neste documento, mais especificamente ao cargo de Diretor e Vice-Diretor, quadrienio 1989/1992, deste Centro de Ensino.

Complementando a edicao, na contracapa do Boletim encontram-se dois parceiros patrocinadores: a empol--Eletrometalurgica Poty Ltda, fabricante de moveis de aco, estantes e equipamentos eletricos e a Construtora Poty Ltda com os servicos de Calculos, Construcao Civil, Consultoria e Projetos.

Nessa perspectiva, vale ressaltar Catani (2013), sobre a importancia de se produzir conhecimentos especializados para formar e orientar o exercicio da docencia, que, em nosso estudo, recai sobre a producao de Boletins Informativos Oficiais, e das ideias de Favero (2000), quando ressalta a importancia do pesquisador na abordagem e interpretacao desses documentos, uma vez que estes, sozinhos, nao falam por si, dai a necessidade de o pesquisador compreender o pensamento que ha por detras deles, ancorado em uma base teorica.

Como pontua Catani (2013: 119) <<a questao de conhecer as leituras dos professores e as estrategias de legitimacao e imposicao de certas representacoes de autores [...]>> e uma das relevancias da utilizacao de tal documento como fonte.

Desse modo, e que este intento investigativo partiu da seguinte problematizacao: De que forma os creditos das materias publicadas no Boletim Informativo/1985 da UFPI agregam valores no processo que busca legitimar a candidatura a Diretor deste Centro de Ensino?

Como contribuicao, este estudo, vem ressaltar a importancia que este genero Boletim Informativo teve na formacao continuada e na pratica de ensino do corpo docente deste Centro de Tecnologia, pois, como releva Nunes (1990), interpretar documentos e traduzi-los, e esta traducao esta inserida num horizonte finito, num terreno de pre-compreensoes, cujo alargamento nao se da apenas pela vontade do sujeito do pesquisador, mas pelo avanco e rumos que assume o conjunto da producao no qual o seu trabalho se insere.

Para melhor compreensao de como se constitui este estudo, e que organizou-se o texto em tres secoes: na primeira, ha abordagem sobre o recorte temporal da publicacao do Boletim Informativo, o movimento nacional de abertura politica no Brasil na decada de 1980; para em seguida, formular-se um paralelo entre os docentes autores do Boletim e os demais docentes do Centro de Tecnologia de outras areas de Engenharia nao presentes no impresso. Por ultimo, apresenta-se o legado que a iniciativa de publicacao do periodico deixou como influencia na formacao continuada e na pratica de ensino do corpo docente do CT/UFPI.

2. A publicacao do Boletim Informativo

A reestruturacao do Centro de Tecnologia, surgiu apos a publicacao da Resolucao no. 38 de 25 de agosto de 1975, instituida na epoca, pelo entao Reitor da UFPI e Presidente do Conselho Universitario o Magnifico Reitor Jose Camillo da Silveira Filho, constituido, inicialmente, pelas Coordenacao de Ciencias Agrarias e Coordenacao de Tecnologia.

Todavia, foi a partir do ano de 1978, que houve o desmembramento da Coordenacao de Ciencias Agrarias dando origem aos Centros de Ciencias Agrarias e de Tecnologia, este ultimo estruturado em novos cursos e novos departamentos.

Segundo Cardoso (2017), o recorte temporal de 1975 a 1978, compreende desde a criacao ate o desmembramento da Coordenacao de Ciencias Agrarias. Como bem pontua o autor, este e o momento em que o ct se assume como <<[...] independente e responsavel, exclusivamente, pelo ensino de graduacao de cursos nas areas de Tecnologia>> (p. 33). O autor explicita ainda a implantacao dos departamentos de Construcao Civil, Estruturas e Transportes, como tambem os cursos de Tecnologo em Construcao Civil, Engenharia de Agrimensura e Engenharia Civil.

RESOLUCAO No. 18/78

CONSELHO DIRETOR DA FUNDACAO

Dispoe sobre a reestruturacao do Centro de Tecnologia e da outras providencias.

O Presidente da Fundacao e Reitor da Universidade Federal do Piaui no uso de suas atribuicoes, tendo em vista decisao do Conselho Diretor e da Fundacao em reuniao de 15.03.78, e considerando:

--O disposto no art. 18 do Estatuto da FUFPI (Decreto no. 68.531 de 18.05.71);

--Criacao do Centro de Ciencias Agrarias que absorveu a Coordenacao de Ciencias Agrarias do Centro de Tecnologia.

RESOLVE:

1. Extinguir a Coordenacao de Tecnologia criada atraves da Resolucao no. 38/75.

2. Criar no Centro de Tecnologia (CT) os Departamentos de:

--Construcao Civil

--Estruturas

--Transportes

3. Instituir as Coordenacoes do Curso de Engenharia Civil, Agrimensura e do Curso de Curta Duracao--Construcao Civil: Edificios.

[...]

18. Esta Resolucao entrara em vigor na data de sua publicacao, revogadas as disposicoes em contrario (UFPI, 1978).

Com a nova estrutura, a Diretoria do ct, passou a funcionar em novas instalacoes, mais especificamente, nos galpoes SG-11 e SG-12, curiosamente conhecido como <<Siberia>>, pelo fato de estarem localizados nos limites da area do Campus da Ininga, proximo a vegetacao nativa existente, remanescente daquela que fora a antiga Fazenda Ininga, onde se ergueram os referidos galpoes, necessarios para o funcionamento dos cursos ja existentes, e de novos cursos que estavam sendo criados. A ideia era que as instalacoes, naquele primeiro momento provisorias, dariam respaldo ao andamento dos cursos e uma contrapartida para as futuras e definitivas instalacoes fisicas para o ct, o que, aconteceu posteriormente.

A mudanca do ct para as novas instalacoes ocorreu durante o periodo de 1998 a 2004, com a conclusao definitiva do novo predio. Durante esse periodo, a expectativa gerada pela inauguracao de novas instalacoes, motivou todos os segmentos que compunham o ct, funcionarios, alunos, professores, passando-se a especular, discutir, opinar, prever, quais as decisoes advindas do Conselho Universitario com a ja iminente e definitiva mudanca para as novas instalacoes. Deveria voltar suas acoes para a pesquisa e extensao, alem do ensino. Propor solucoes inovadoras, consistentes e factiveis em uma perspectiva regional, contexto no qual o Centro de Tecnologia esta inserido. A mudanca passaria tambem pelo perfil do Diretor do Centro.

3. O processo de legitimacao da campanha para diretor: um dialogo entre autores do Boletim e os demais docentes do CT

Ate a decada de 1980, as transicoes dos mandatos dos diretores do ct ocorriam pela ascensao do vice-diretor a diretor, escolhidos, ate entao, em lista triplice de nomes em eleicao indireta. Deste modo, via de praxe, o Vice-Diretor era alcado a condicao de Diretor. Conforme depoimento do Prof. Romulo Gayoso C. Branco:
   [...] estive como Vice-Diretor do professor Rafael de 80 a 84.
   Acompanhei o professor Rafael naquela luta de sedimentar,
   consolidar uma estrutura para a Universidade Federal do Piaui e
   particularmente uma estrutura para o Centro de Tecnologia. [...] O
   professor Rafael tentava firmar o ct, criando cursos. Tentamos o
   curso de Eletrica, de Mecanica e fizemos um projeto para a criacao
   do Laboratorio de Informatica, futuro Nucleo de Engenharia de
   Sistemas--NES.


Proximo ao final do mandato do Prof. Rafael-Victor C. do Rego Monteiro, o Conselho Departamental reuniu-se, conforme regulamentacao vigente a epoca, para elaborar a Lista Triplice com os nomes que seriam encaminhados ao entao reitor Dr. Nathan Portella Nunes, para que esse indicasse o Diretor e Vice-Diretor do Centro de Tecnologia. Compunham a lista os professores: Jose Lages Monte, Antonio Trindade Barros e Romulo Gayoso Castello Branco.

A indicacao recaiu sobre os nomes dos professores Jose Lages Monte e Antonio Trindade Barros, para Diretor e Vice-Diretor respectivamente. Esse fato consta em depoimento do entao indicado a Diretor do ct, prof. Jose Lages Monte:
   [...] em 83 para 84, foi deflagrado o processo para a substituicao
   do professor Rafael-Vitor. [...] naquela epoca quem escolhia a
   Lista, era o Conselho Departamental. Encaminhava ao reitor, que
   entao encaminhava ao Ministro da Educacao para a escolha do nome.


A Reuniao do Conselho Departamental do Centro de Tecnologia para a escolha da Lista Triplice com os nomes dos professores a serem indicados pelo reitor para ocupar o cargo de Diretor, deu-se de fato em momento muito tenso na comunidade do Centro de Tecnologia. Esse momento e assim registrado pelo Prof. Wilson Martins de Sousa.
   Quando da escolha do Prof. Monte, foi uma reuniao extremamente
   tensa, com muita influencia da Reitoria com o entao Dr. Jose Nathan
   Portella. Lembro que a escolha da eleicao no ct, envolveu a
   seguranca da ufpi, os conselheiros eram chamados para votar,
   acompanhados de uma escolta, quase coercitivamente, algo muito
   estranho. Aquilo mexeu muito conosco, comigo, com o Prof. Romulo e
   outros professores. E os estudantes sentiram que era chegado
   momento de comecar a reagir a acoes tao policialescas, a gente pode
   dizer assim.


Como consequencia, o fato da indicacao do prof. Jose Lages Monte ao cargo de Diretor do ct, provocou a reacao do prof. Romulo:
   [...] eu ja estava no processo, e achava que reunia as condicoes de
   levar a frente aquela abertura que eu queria para o ct. [...] E me
   senti alijado, preterido do processo [...] e isso foi de
   conhecimento publico. Tambem foi publico que a partir daquele
   momento tomei a decisao de ser Diretor do ct. Lutar pra ser. [...]
   procurei o professor Wilson Martins de Sousa que a epoca, foi
   contra o processo indireto [...] e disse a ele que pleiteava fazer
   um movimento em prol do ct. [...] E passamos quatro anos
   trabalhando essa ideia.


A partir da nomeacao do prof. Jose Monte para a direcao do Centro de Tecnologia, estabeleceu-se um confronto politico direto entre dois grupos, nitidamente identificados. Um grupo liderado pela entao Diretoria, e a <<oposicao>>, que tinham como lideres mais destacados os professores Romulo Gayoso Castelo Branco e Wilson Martins de Sousa. A elaboracao do Regimento Interno do Centro de Tecnologia foi motivo de debates dos mais acalorados entre os membros do Conselho Departamental. Vivia-se no ct um ambiente de disputa, porem sempre em defesa dos interesses maiores do Centro.

A partir desse momento acentuou-se o debate de ideias acerca de eleicao direta na escolha do proximo Diretor, com a participacao dos tres segmentos que compunham o Centro de Tecnologia: professores, servidores e alunos. A perspectiva de eleicao direta maturava-se, o Prof. Romulo do Departamento de Estrutura e o Prof. Wilson do Departamento de Recursos Humanos e Geologia Aplicada comungavam pensamentos que se aproximavam.

Os dois Chefes de Departamentos tinham visao contraria ao Diretor em exercicio e gozavam de maior penetracao entre alunos e servidores com isso, cada vez mais ganhava corpo a ideia de eleicoes diretas. Assim os dois pretensos candidatos, iniciaram um processo de planejamento e de estrategias prevendo uma disputa futura, caso viesse a consolidar-se as eleicoes diretas para Diretor e Vice-Diretor do Centro de Tecnologia. Em depoimento o Prof. Wilson relata:
   Entao, eu e o Romulo sentamos, para atraves de um Boletim
   Informativo mostrar setorialmente o que vinha sendo feito.
   Comecamos a pensar em atividades conjuntas, que mostrasse quem
   realmente estava fazendo alguma coisa dentro do Centro de
   Tecnologia. Outros faziam, mas se nao tinham um Boletim para
   informar, ficava a informacao centralizada. Mostramos assim, que
   tinhamos varias oportunidades de ocupar espacos.


Considerando o que Catani (2013: 115) postula de que <<a producao de conhecimentos especializados para formar e orientar o exercicio da docencia se torna mais visivel na producao de revistas, manuais de formacao, boletins oficiais>>. E ainda, compreende-se com a autora que, <<a questao de conhecer as leituras dos professores e as estrategias de legitimacao de certas representacoes de autores>> (p. 119), e que se viu como uma das importantes ferramentas de Legitimacao da legitimacao da candidatura ao cargo de Diretor e vice-Diretor a utilizacao do Boletim Informativo como fonte.

Assim, estabeleceu-se uma clara disputa no campo das ideias por espacos de poder em todos os segmentos do Centro de Tecnologia. Por um lado, o Diretor indicado e empossado, do outro uma corrente de pensamentos contrarios a gestao vigente compostos de professores que se atribuiam boa penetracao entre os segmentos de alunos, servidores e parte dos professores, conhecimento tecnico em engenharia e prestigio junto a Administracao Superior da Universidade.

A partir da publicacao do Boletim Informativo do Departamento de Estruturas, professores liderados pelo Prof. Romulo consideravam a possibilidade de a partir dessa primeira edicao, toma-la como nucleo informativo de vez que suas caracteristicas explicitam modos de construir e divulgar o discurso legitimo sobre ensino e o conjunto de prescricoes sobre formas ideais de realizacao do trabalho docente (Catani, 2013). A partir desse momento, deflagrou-se o processo de movimentacao politica em prol da proxima gestao da diretoria do Centro de Tecnologia da ufpi.

4. O Boletim Informativo: influencia na formacao continuada e na pratica de ensino do corpo docente do CT/UFPI

O Boletim Informativo do Departamento de Estruturas do Centro de Tecnologia da Universidade Federal do Piaui, Ano i, no. 1 de junho de 1985 foi publicado em formato 148 milimetros por 210 milimetros e continha oito paginas.

Na Apresentacao (p. 01), justifica-se a criacao do Boletim da necessidade de se <<estabelecer uma ponte de comunicacao entre o Departamento de Estruturas -de, [...] com a comunidade externa ligada a Engenharia Civil>>. Ressalte-se que, nessa epoca, o ct abrigava os cursos de Engenharia Civil, Engenharia de Agrimensura e o curso de Tecnologos em Construcao Civil--Edificios. O Departamento de Estruturas contava <<com um corpo docente de dezoito professores, tendo doze professores com curso de pos-graduacao, sendo seis em nivel de especializacao e seis em nivel de mestrado>>.

Em seguida, as Informacoes Gerais (p. 02), promovem o curso <<Projeto Estrutural de Edificios de Concreto Armado, periodo de 08 a 13 de junho, carga horaria 36 horas, ministrante o professor Ricardo Leopoldo e Silva Franca da Escola Politecnica da Universidade de Sao Paulo>>.

Informa que no <<segundo periodo deste ano o de oferecera a disciplina optativa Concreto Protendido --502/430, para alunos de engenharia civil, tendo como ministrante a professora Maria de Lourdes Teixeira Moreira>>. Destaca que a convite da direcao do Complexo Escolar <<Bela Vista>>, o professor Afranio Piauiense de Sousa proferiu palestra sobre a <<Informatica na Educacao>>.

Os Cursos de Extensao oferecidos no primeiro periodo do ano sao listados (p.03), juntamente com a programacao de cursos para o segundo periodo a serem oferecidos <<com inicio em julho proximo>>.

As paginas 04 e 05 do Boletim Informativo sao apresentados a secao Trabalhos /Teses com a dissertacao de mestrado defendida em 15.04.81, intitulada: Um modelo de Manutencao de Estoque de Materia-Prima, area de concentracao: Engenharia de Sistemas, autor Afranio Piauiense de Sousa, orientador Professor Dr. Hans Hermar Weber. E conclui com a dissertacao de mestrado Analise Estatica de Estruturas com Nao-Linearidade Fisica Localizada, defendida em marco de 1981 de autoria de Maria de Lourdes T. Moreira tendo como orientador o professor Dr. Edison Castro P. Lima--COPPE/ UFRJ.

Com o titulo Fatos da Engenharia no Piaui (p. 06) de autoria do professor Romulo G. C. Branco, o texto discorre sobre a montagem da Ponte Metalica, repassando a informacao que, <<em fins de 1922, chegou a Teresina a primeira remessa dos perfis metalicos, vindo da Alemanha. A montagem ficou sob a responsabilidade do tecnico alemao Germano Franck, inauguracao ocorrida provavelmente no ano de 1938>>.

5. Consideracoes finais

Apoiados na conviccao de que reuniam as condicoes adequadas para ocupar a direcao e assim, melhor gerir os destinos do Centro de Tecnologia, o grupo de professores em sua maioria do Departamento de Estrutura e do Departamento de Recursos Hidricos e Geologia Aplicada propunha a redacao de um novo Regimento do Conselho Departamental com mais democracia, desta feita com direito a participacao atraves do voto direto os tres segmentos da comunidade do Centro de tecnologia: docentes, discentes e servidores tecnico-administrativos.

Neste contexto, a Associacao dos Docentes da Universidade Federal (adufpi), tendo a frente o Prof. Jose Reis Pereira, sai em defesa de eleicoes diretas, defendendo uma posicao de escolha democratica dos dirigentes dos centros de ensino com a participacao de todos os segmentos representativos.

Assim, ao final do mandato do Prof. Jose Lages Monte, novamente deflagra-se o processo sucessorio. Desta vez, como proposta consensual, haveria uma escolha direta dos nomes, uma eleicao democratica na qual os candidatos exporiam suas ideias para toda a comunidade do ct, ficando definido, tambem, que os segmentos de professores, servidores e alunos, fariam parte equitativamente da escolha do novo Diretor. Foram eleitos como Diretor e Vice-Diretor os professores Romulo Gayoso Castello Branco e Wilson Martins de Sousa.

A publicacao do Boletim Informativo do Departamento de Estruturas apoiada por professores do Departamento de Recursos Hidricos e Geologia Aplicada contribuiu para a consolidacao da campanha politica do grupo de professores vitoriosos na eleicao direta e democratica no ct, periodo de 1989 a 1992.

Assim, segundo consta na Apresentacao, <<o Boletim surgiu da necessidade de estabelecer uma ponte de comunicacao [...] com a comunidade externa>>, estabelecendo uma linha editorial centrada em informes, cursos, trabalhos e assuntos de interesses ligados ao Departamento de Estruturas e/ou programacao de extensao voltadas para profissionais de engenharia Civil externos a ufpi.

Entende-se, portanto, que mesmo percebendo a efemeridade da primeira e unica edicao do Boletim Informativo do Departamento de Estruturas, e da maneira como foi concebido, de forma discreta, e perceptivel sua contribuicao no sentido de influenciar na formacao continuada ou na pratica de ensino do corpo docente do CT/UFPI. Ressalta-se, pois, a importancia deste tipo de publicacao como fonte para o estudo da Historia da Educacao.

Referencias

Cardoso, Magnaldo de Sa (2017) O Centro de Tecnologia da ufpi: trajetoria historica. Teresina: EDUFPI.

Catani, Denise Barbara (2013) A imprensa periodica pedagogica e a historia dos estudos educacionais no Brasil. In J. M. Hernandez Diaz (org.) Prensa pedagogica y patrimonio historico educativo, vol. 1 (pp. 115-121). Salamanca: Universidad de Salamanca. Coleccion Aquilafuente, 2013.

Favero, M. L. A. (2000) Universidade e Poder. Analise Critica/Fundamentos Historicos (1930-45). 2. ed. Brasilia: Plano. Nunes, Clarice (1990) Historia da Educacao: espaco do desejo. Em Aberto, Brasilia, Ano 9, n.

47, pp. 37-45, jul./set. 1990. Universidade Federal do Piaui (1975) Resolucao 18/75. Dispoe sobre a reestruturacao do Centro de Tecnologia e da outras providencias. Teresina (PI): UFPI.

Magnaldo de Sa Cardoso

Centro de Ensino Unificado do Piaui-CEUPI

Correo-e: magnaldo@ufpi.edu.br

Maria do Amparo Borges Ferro

Universidade Federal do Piaui-UFPI

Correo-e: amparoferro@uol.com.br

Recepcion: 5 de julio de 2018

Envio a informantes: 11 de julio de 2018

Aceptacion definitiva: 2 de octubre de 2018

DOI: http://dx.doi.org/10.14201/aula201925253261

(1) A foto da capa do Boletim destaca a Ponte Metalica Joao Luiz Ferreira, sobre o Rio Parnaiba, que liga as cidades de Teresina, Capital do Estado do Piaui a vizinha cidade de Timon no Estado do Maranhao. Esta ponte foi a primeira obra construida sobre o Rio Parnaiba ligando os Estados do Piaui e Maranhao.

Caption: Fonte: Arquivos proprios do pesquisador (1).

Caption: Fonte: Arquivos proprios do pesquisador.
COPYRIGHT 2019 Ediciones Universidad de Salamanca
No portion of this article can be reproduced without the express written permission from the copyright holder.
Copyright 2019 Gale, Cengage Learning. All rights reserved.

Article Details
Printer friendly Cite/link Email Feedback
Author:de Sa Cardoso, Magnaldo; Ferro, Maria do Amparo Borges
Publication:Aula: revista de ensenanza e investigacion educativa
Date:Jan 1, 2019
Words:3255
Previous Article:Teaching ethics in a special graduation course: an experience of co-construction of knowledge/ENSINANDO ETICA NA LICENCIATURA EM EDUCACAO ESPECIAL:...
Next Article:INTERCULTURALIDADE E IMIGRACAO: A <> INDISPENSAVEL A EDUCACAO.
Topics:

Terms of use | Privacy policy | Copyright © 2021 Farlex, Inc. | Feedback | For webmasters |