Printer Friendly

ESTRATEGIA DE DADOS E MARKETING DIGITAL: NOVAS FORMAS DE AUMENTAR RECEITAS E DIMINUIR CUSTOS/ESTRATEGIA DE DADOS E MARKETING DIGITAL: NOVAS FORMAS DE AUMENTAR RECEITAS E DIMINUIR CUSTOS.

1 INTRODUCAO

E indispensavel a tecnologia da informacao para todos, principalmente para as organizacoes de diferentes setores da economia, que tanto investem para conseguir reduzir seus custos e aumentar suas receitas. O papel do CIO deve ser mudado para valorizar ainda mais o negocio quando se tem um plano de marketing digital com estrategias bem definidas para a captacao de dados disponiveis que podem ser estruturados ou nao estruturados, armazenados de modo seguro e com o devido tratamento permitindo a melhor tomada de decisao para gerar receitas e outros beneficios para as organizacoes e tambem para a sociedade. Com o crescente numero de usuarios de midias digitais, principalmente com o Facebook, "segundo pesquisas realizada pela IBM no inicio de 2014 para trinta mil consumidores em 13 paises, mostrou que entre 78% e 84% deles se baseavam nas midias sociais quando pensavam em comprar produtos; 45% pediam a opiniao de parentes ou amigos; e apenas 18% se baseavam em informacoes dos produtores e varejistas para a tomada de decisao" (TAURION CEZAR 2015; Brasport). O papel do Marketing Digital para as empresas e fundamental para a tomada de decisao de compra, pois se o conteudo gerado para tomada de decisao de compra de um produto nao for adequada, a tendencia da compra sera direcionada a outro produto torna-se bem maior.

2 OBJETIVOS

Apresentar como as empresas de qualquer segmento do mercado pode reduzir custos com a TI inovando em Marketing Digital e estrategias de negocios para aumentar as receitas atraves de dados obtidos com Big Data e Midias Digitais.

2.1 Organizacao do Artigo

Este artigo Cientifico tem como finalidades:

a) Identificar os principais requisitos para elaboracao de acoes de Marketing Digital;

b) Apresentar as ferramentas e tecnologias disponiveis para obtencao de dados;

c) Analisar como o Big Data e as Redes Sociais podem agregar valores e aumentar as receitas;

d) Transformacao de dados em informacoes de forma a gerar insights que gerem respostas as acoes de negocios.

3 JUSTIFICATIVAS

Uma estrategia de Marketing Digital e fundamental para todos os tipos de empreendimento, ou seja, todos os tipos de seguimento economico e social, como as empresas de pequeno, medio e grande porte, as instituicoes religiosas e todo o tipo de organizacao. E de suma importancia para os dias atuais, saber fazer uso das principais midias sociais para divulgacao dos produtos/servicos, a captura de dados com Big Data para criacao de estrategias de negocios. Um desenvolvedor independente e responsavel por seu proprio negocio nem sempre esta preparado e familiarizado com as questoes que surgem para implementacao e estrategias de marketing para aumentar as vendas de seus servicos, como por exemplo, a venda de aplicativos na App Store ou Google Play.

Ha varios recursos de marketing e ferramentas disponiveis para os desenvolvedores iOs ou Android. Encontra-se a necessidade de conhecimento sobre alternativas de marketing digital em relacao ao custo/beneficio que podem ajudar a aumentar as receitas das organizacoes. Para isso, o papel das midias digitais e de fato uma das ferramentas que atraves da criatividade do desenvolvedor, pode-se estimular as vendas, gerar fluxos adicionais de renda e principalmente contar com a participacao do usuario para divulgar seus produtos/servicos atraves do compartilhamento da informacao e dos comentarios.

Em reportagem da Folha de Sao Paulo do dia 07 de maio de 2017, de acordo com a IBM, ja geramos 2,5 quintilhoes de bytes de dados a cada dia, o que significa que 90% dos dados do planeta foram criados nos dois ultimos anos. Para ver o efeito que o uso de dados pode ter, basta considerar o setor de publicidade (http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2017/05/1874301-capitalismo-de-dadoslucra-com-a-nossa-privacidade-por-enquanto.shtml). Com isso, este trabalho apresenta como destaque o potencial de possiveis novos clientes e da nova forma de se fazer publicidade e propaganda, atraves de dados obtidos e organizados com a capacidade maior e muito mais rapida de atingir o publico alvo. Um grande volume de dados e sem duvida uma fonte de receitas, se estiver estruturada e armazenada de forma segura, de forma a criar consciencia da eficiencia operacional e de custos com pesquisas importantes para os gestores, que terao posse de resultados que poderao mudar os rumos da organizacao, como consequencia, o processo de decisao ajustando a realidade do mercado e aproveitando as oportunidades disponiveis.

Desta maneira, o desenvolvimento deste trabalho pretende demonstrar de modo pratico como as organizacoes e desenvolvedores independentes, podem aumentar suas receitas e reduzir custos atraves do Marketing Digital e do Big Data para a coleta de dados e criacao de estrategias de negocios para tomada de decisao para ser tornar competitivas no mercado do seu segmento economico com processos produtivos, organizacao de dados estruturados ou nao estruturados, insumos, publico alvo, servicos, pos atendimento etc.

3.1 Referencial Teorico: Conceitos de Marketing e Marketing Digital

Antes de criar um plano de marketing digital para uma empresa, e necessario compreender o significado de Marketing, pois tem muitas definicoes tecnicas e ate tentativa de traducao para o portugues como "Mercadologia" (Richiers, 1986) ou "Mercancia" (Gracioso, 1971). Segundo o dicionario Aurelio Marketing e o conjunto de estrategias e acoes que proveem o desenvolvimento, o lancamento e a sustentacao de um produto ou servico no mercado consumidor (Dicionario Aurelio).

Em sua traducao literal, Marketing significa Mercado. Pode-se, entao, afirmar que Marketing e o estudo do mercado. E uma ferramenta administrativa que possibilita a observacao de tendencias e a criacao de novas oportunidades de consumo visando a satisfacao do cliente e respondendo aos objetivos financeiros e mercadologicos das empresas de producao ou prestacao de servicos (Fraga, Robson, 2006).

Pinheiro e Gullo (2013), conceituam Marketing como um processo que teria caracteristicas humanas e sociais, por envolver trocas entre pessoas e empresas, e tambem administrativas por utilizar tecnicas especificas para tracar estrategias que alcancem os objetivos.

Outra definicao de Marketing: "marketing e o processo de planejar e executar a definicao do preco, promocao, distribuicao de ideias, bens e servicos com o intuito de criar trocas que atendam metas individuais e organizacionais". (Peter, 2000, p.4)

Segundo Keller e Kotler (2006), as definicoes de marketing sao transformadas a partir de fenomenos de comunicacao e relacionamentos humanos, ou seja, o marketing envolve a identificacao e a satisfacao das necessidades humanas e sociais, como uma forma de suprir necessidades lucrativamente. Assim deste modo, Casas (2007, p.15) cita que: "Marketing e a area do conhecimento que engloba todas as atividades concernentes as relacoes de troca, orientadas para a satisfacao dos desejos e necessidades dos consumidores, visando alcancar determinados objetivos da organizacao ou individuo e considerando sempre o meio ambiente de atuacao e o impacto que estas relacoes causam no bem-estar da sociedade" (CASAS, 2007 p.15).

Com essas definicoes sobre marketing, o principal foco deste topico agora e destacar e definir este ambiente de atuacao, que e digital. Pois, tudo o que pode ser plenamente expresso usando digitos ou numeros. Efetivamente, isso significa qualquer coisa que pode ser traduzida em forma numerica e muito importante, retraduzida ao seu estado original sem perder seus aspectos essenciais. Sabe-se que os computadores e todas as ferramentas de comunicacao como os Smartphones, por exemplo funcionam de forma digital (bits: [binary digit] e bytes). A tecnologia da informacao contribui para o direcionamento do valor e da criacao de riquezas a varios segmentos da economia e da sociedade. Segundo Aldrich, Douglas F. (2000) numa percepcao do consumidor do Valor em relacao ao tempo, onde em uma economia global em que o poder de compra do consumidor esta aumentando num ambiente tecnologico e a rapidez parece se auto-alimentar, a frase "tempo e dinheiro" toma um sentido novo.

Esse novo ambiente de atuacao e o impacto que estas relacoes causam no bem-estar da sociedade e a Internet, com o avanco das novas Tecnologias da Informacao e principalmente da propria internet, e necessario elaborar novas tecnicas e acoes para a possibilidade de negocios e estrategias para apresentar ao publico alvo servicos e produtos de qualidade. O papel das empresas em primeiro lugar e encantar seus clientes, com o objetivo de atender suas necessidades. Segundo Hagel III e Armstrong (1998) na medida que se multiplicam os recursos disponiveis na rede, a divulgacao de uma comunidade emergente torna-se mais e mais desafiadora. Com isso a expansao dos negocios e o esforco de marketing baseados na internet, divulgar com investimento minimo se torna ainda dificil. Porem, existe muitas formas que pode ser realizada para gerar conhecimento e valores da comunidade entre os membros potenciais sem jogar dinheiro em propaganda convencional.

Ainda segundo Hagel III e Armostrong, "as tarefas primarias envolvidas numa estrategia de entrada efetiva sao a rapida geracao, concentracao e manutencao dos membros." Desta forma, ha tres estagios de entrada que sao: entrada rapida, onde as pessoas visitem a comunidade, promovendo conhecimento, valores e estabelecendo parcerias para o direito da precedencia na compra.

A comunidade digital, ou as redes sociais, principalmente o Facebook que para ter ideia, a cada um, sete habitantes do planeta tem uma conta nesta rede social, gerando muitas informacoes. O Facebook divulgou em 2012 ao blog TechCrunch que processa por dia mais de quinhentos terabytes de dados, 2,7 bilhoes de "likes" (curtidas dos usuarios nos posts) e trezentos milhoes de fotos, ou seja, isso garante que uma taxa de 105 terabytes a cada meia hora, permitindo que se tenha uma nocao da quantidade de informacoes armazenadas pela rede.

Quanto mais a tecnologia da informacao passa a permear nas atividades humanas, como no marketing por exemplo, novas oportunidades de negocios que sao gerados e se tratando de Marketing Digital, segundo Martha Gabriel (2010 p.104)" o termo marketing digital e usado como sendo o marketing que utiliza estrategias de algum componente digital no marketing mix--produto, preco ou promocao". Com o grande volume de informacoes que sao gerados a todo momento nas midias digitais, encontra-se a oportunidade de criar acoes e ferramentas para a tomada de decisao da empresa, atingir o publico alvo e aumentar suas receitas. Porem, a definicao de Marketing Digital segundo o autor, nao e correta, por duas razoes: Primeiro privilegia um dos componentes da estrategia, que neste caso seria o digital, em detrimento dos outros como eletronicos, impressos etc.; Segundo apesar de o digital se difundir cada vez mais no dia a dia, a eletricidade e a energia das baterias sao os principais fatores por detras nao apenas das midias digitais, mas tambem das eletronicas, assim, se teriamos por exemplo o marketing eletronico ja que temos o marketing digital.

Segundo Pinheiro e Gullo (2013), na busca de realizar um novo tipo de comunicacao e relacionamento com o consumidor, surge o marketing digital possibilitado pelos computadores.

Conclui-se que a internet revolucionou a forma de relacionamento das empresas e das pessoas, ir a uma loja em alguns casos nao e necessario para quem deseja um servico/produto que atenda a sua necessidade, pois atraves das midias digitais e da internet e possivel saber tudo sobre o mesmo antes de realizar a compra. Pode-se afirmar que a internet oferece mecanismos para digitalizar, ou melhor, virtualizar o mundo real como bancos, lojas, servicos, livrarias, dinheiro etc., sao transformados em digitos (bits e bytes) softwares ou sistemas de computadores, pois se realiza qualquer operacao possivel no mundo real (fisico), basta um simples toque na tela do smartphone ou um click do mouse para realizar qualquer operacao. Nos proximos capitulos deste trabalho sera abordado o aumento de barganha dos consumidores, o crescimento do compartilhamento e interacao, a agilidade no acesso e as mudancas nas relacoes empresas versus clientes.

4 METODOLOGIA

4.1 Aumento de Barganha dos Consumidores

Pensar no aumento de barganha dos consumidores na era da informacao e sem duvida um grande desafio para as empresas em se tratando de ferramentas e tecnologias para concretizacao dos objetivos economicos na geracao de receitas. Desenvolver estrategias capazes de gerar diferencias para se tornar competitivos nos negocios principalmente nas vendas, prestacoes de servicos com qualidade e sem duvida um excelente caminho para alcancar os objetivos, porem com investimento, principalmente com Big Data, possibilita o trabalho com um grande volume de dados. As empresas terao o impacto em seus negocios dando o devido tratamento aos dados vindos de fora de seus sistemas transformando em indices e informacoes que ajudaram o CIO da empresa na tomada de decisao de negocios. As informacoes estao disponiveis em todos os lugares, dentro e fora da empresa. Sao mais de oitocentos milhoes de web sites, mais de 1,3 bilhao de usuarios do Facebook que compartilham tres milhoes de links por hora, 350 mil tuites por minutos, sensores e cameras monitorando as cidades, redes wireless publicas e privadas e ainda mais de 1,5 bilhao de smartphones. Enfim uma ferramenta de grande utilidade para gerar o aumento das receitas, uma verdadeira "mineradora" de dados disponivel para ser garimpada e assim criar estrategias para impactar novos clientes com os produtos e servicos disponiveis da organizacao.

O consumidor esta mudando e as empresas devem estar onde o consumidor se encontra, on-line. Desta forma, com o Big Data e possivel explorar fontes de dados externas como comentarios nas Redes Sociais ou outras plataformas geradas por sensores e fontes geradoras de dados, como por exemplo o RIFD (Identificacao por radio frequencia) acoplados em embalagens e texto gerados a partir de conversas dos clientes com o call center. Assim softwares ou sistemas com algoritmos capazes de gerar em tempo real os sentimentos dos consumidores ou melhor, clientes, e possivel criar promocoes, alterar prazos de entrega, ou qualquer outra alteracao de acordo com a necessidade do negocio da empresa, tudo isso durante a vigencia destas.

4.2 Crescimento do Compartilhamento e Interacao

Alem do Big Data para a captura de dados e geracao de insights para o crescimento da receita das organizacoes, a midia social tambem tem um papel importante. Como o compartilhamento e a interacao com esse novo cliente, estar proximo, saber qual e a sua real necessidade, oferecer novos produtos e a fidelizacao. Uma estrategia do marketing para atingir o publico alvo e a publicidade. Vejamos o estudo de caso da campanha da empresa "Azeite Carbonell".

O objetivo da campanha e justamente popularizar o produto tornando mais acessivel a uma quantidade maior de clientes. O diretor nao tem conhecimento em marketing. Sua especializacao esta voltada para gerenciamento administrativo. Em (2015) ocorreu uma campanha em uma revista com receitas "Carbonell". Focado em um Publico pontual. O retorno foi um maior numero de mulheres na campanha e melhores receitas de homens. A proposta da Campanha e a criacao de um site atrelando as midias sociais. Neste contexto o Diagrama possui as seguintes informacoes:

* Google Analytics: Analisar a API e extrair as informacoes relevantes. Com medidor de acesso por exemplo.

* Facebook: Integrando a API do Facebook onde haveria promocoes nas redes sociais com distribuicoes de premios. Pode-se levantar via API a quantidade de curtidas--absolvendo todos os dados dos usuarios. Com essas informacoes dos usuarios da para sortear alguns produtos atraves de sites que ja fazem isso. Para encontrar as informacoes das API's do Facebook basta acessar no link do rodape da pagina (Desenvolvedores >>'https://developers.facebook.com/?ref=pf)

* WhatsApp: Criacao de uma carta no WhatsApp. (Como conseguir gerenciar as informacoes integrando todos os elementos)

No diagrama de Classe do Site da Campanha publicitaria do Azeite Carbonell fica claro como se procede a integracao do site com as APIs da Rede Social Facebook e tambem do Google Analytics, pois atraves das duas ferramentas e possivel verificar a audiencia da campanha e interagir com os clientes atraves da Rede Social.

Existem outros sistemas semelhantes, como por exemplo o Buzz Monitor (www.buzzmonitor.com.br). Este sistema permite o monitoramento de uma determinada marca em redes sociais com funcionalidades simples como relatorios da rentabilidade das campanhas, atendimento aos usuarios, identificacao de influenciadores de acordo com o foco de interesse etc. Alem do Buzz Monitor, pode-se destacar tambem o Sistema de atendimento baseado em Inteligencia Artificial, Propzmedia (http://propzmedia.com/v1/app/index), com sede na cidade de Campinas. O sistema realiza o monitoramento, o cadastro de consumidores que sao usados para criacao de campanhas de marketing, atraves de formularios de programas de fidelidade, o sistema verifica quais sao os habitos de diversos clientes e atraves desta analise direcionar o produto/servico de acordo com o perfil do cliente. Com base nas informacoes adquiridas, a tecnologia sugere acoes especificas. Desta forma o proposito deste CRM e identificar e personalizar o consumo no varejo, ativando cada cliente com as ofertas exibida no melhor momento de compra, sendo possivel medir diretamente no PDV.

No estudo de caso do Azeite Carbonell foi desenvolvido um site com o intuito de integracao das Redes Sociais em uma acao publicitaria usando o Google Analytics para verificacao da audiencia do site e a interatividade com os clientes atraves das "curtidas" do Facebook. Porem, os sistemas Buzz Monitor e PropzMedia estao no mercado para oferecer aos seus clientes o monitoramento e estrategias de negocios diretamente com as vendas para o aumento da rentabilidade. Sao sistemas baseado em Inteligencia Artificial e Big Data, permitindo por exemplo o cruzamento dos habitos dos clientes com os resultados das acoes, diferentemente do site do Azeite Carbonell que tinha exclusivamente como objetivo a acao publicitaria para conquistar novos clientes atraves do compartilhamento e interacao. Lembrando que o Facebook oferece varias ferramentas para impulsionar as publicacoes, compartilhamentos por exemplo com o uso da hashtag, o Facebook Analytics que permite medir, otimizar as interacoes dos clientes com os negocios etc.

4.3 Agilidade no Acesso e as Mudancas nas Relacoes Empresa Versus Clientes

O desafio na relacao entre Empresa e Cliente esta atrelado ao comportamento de ambos nas descobertas de novas possibilidades que a tecnologia oferece para todos, seja na busca de novos produtos, seja na busca de novas possibilidades de negocios. O comportamento do consumidor mudou muito principalmente na hora de adquirir um novo produto ou servico, pois a internet e as redes sociais servem como fonte de pesquisa sobre o preco, local de venda, condicoes de pagamento, promocoes, experiencia e reputacao da empresa etc. Por parte das empresas o real desafio e gerar valor das informacoes extraidas dos clientes de forma a criar insight significativos aos cenarios futuros. Para isso destacamos as seguintes analises:

Analise prescritiva: Ajuda a descobrir padroes do passado que podem sinalizar o futuro, tratar os dados historicos para entender o que ocorreu em determinada area de negocios de uma acao especifica da empresa (BLANCHARD; MORISON, 2013). Os calculos podem ser realizados com algumas medidas de estatistica como mediana, media, moda, desvio padrao e porcentagens. Um exemplo simples, e verificar quais sao os produtos que nao sao vendidos e estao parados no estoque, quais produtos tem melhor lucratividade etc.

Analise preditiva: Possibilidade de tracar cenarios futuros e o que define a Analise preditiva. Cruzar dados historicos com algoritmos capazes de demonstrar a expectativas de ganhos, rentabilidade e sucesso nos negocios. E muito comum no setor financeiro e tambem agricola, com modelos estatisticos e estrategias de negocios.

Analise descritiva: Trata-se de varias tecnicas estatisticas para descrever um conjunto de dados com o objetivo de organiza-los. Esta analise serve tambem para medidas de tendencias e de variabilidade ou dispersao.

Com essas analises os gestores sao capazes de pensar em solucoes e estrategias para as vendas, e para isso conta com algumas ferramentas como Big Data para capturar esse grande volume de dados externos com armazenamento, seguranca e tratamento, o Google Analytcs para conferir a audiencia do site, o IBM SPSS Modeler que e uma plataforma de analise preditiva que da inteligencia as tomadas de decisoes das empresas e criacao de estrategias de negocios que causem impacto positivo. Existem outras ferramentas, porem essas que foram destacadas ja ajuda a compreender o papel dos profissionais de TI diretamente nos negocios da empresa, contribuindo para destacar os produtos e servicos nos diferentes canais de comunicacao como site e Redes Sociais, com varias alternativas para atingir o publico alvo, pois conhecer os segmentos e criar algoritmos capazes de mensurar os resultados, acompanhar os passos do consumidor e principalmente envolver afim de converter em uma compra ou nao. Com as midias sociais e os buscadores ajudam a melhorar as formas de engajamento entre empresas e consumidores.

Com Big Data, as transacoes efetuadas com as analises, comentarios dos Consumidores nas Redes Sociais, e possivel medir em tempo real os sentimentos deste publico. Em Big Data os dados estao no centro e as capacidades analiticas giram em torno destas aplicacoes. E necessario criar e gerar novas perguntas, como por exemplo: "Como explorar mais profundamente os habitos dos clientes criando novos interesses de compra de modo que nossas vendas possam aumentar em torno de 35% no proximo trimestre? ".

E limitado ao BI atual, pois muitos dados sao de origem externos. Desta forma a ideia e criar Relacionamento e Engajamento utilizando duas ferramentas: Midias Sociais e Big Data para que isso se converta em vendas.

A capacidade de agilidade no acesso as informacoes e as mudancas nas relacoes Empresa versus Clientes passa pelo paradigma da nova maneira de relacionamento e engajamento. As redes sociais proporcionam a todos a comunicacao e conversa, e isso e extremamente precioso para as empresas que desejam estar cada vez mais proxima de seus clientes, conquistar novos e entregar produtos e servicos com um diferencial da concorrencia e principalmente com qualidade. Em contrapartida os dados dos clientes: quem somos, o que gostamos, onde estamos, com quem estamos, sao dados importantes para se criar o relacionamento e o engajamento. Outra forma de gerar engajamento e relacionamento com os clientes atraves das Redes Sociais e necessario abordar as tecnicas de Deep Learning de forma a permitir que as maquinas aprendam a classificar os dados por si mesmas.

Deep Learning permitem que maquinas facam a classificacao de imagens e dados por si propria, ou seja, atraves de modelos computacionais a tecnica de aprender como modelos compostos por multiplas camadas de processamento para aprender representacoes de dados com multiplos niveis de abstracao. Esses metodos servem para o reconhecimento de imagens, fala, objetos etc. Um exemplo pratico de tecnica de Deep Learning e a ferramenta chamada DeepFace utilizada pelo Facebook para rotular e marcar a fotografia, antes esta ferramenta ensina a reconhecer as pessoas. Desta forma, pode-se identificar atraves dos dados das imagens, textos, videos o perfil do cliente. O Facebook vende aos seus anunciantes dados de seus usuarios como: gosto de leituras, roupas, comidas e bebidas, locais e viagens, estudos, cursos etc, gerando assim um engajamento e relacionamento das empresas que divulgam seus produtos e servicos nas redes sociais e dos usuarios que mesmo que nao compre ou contrate os servicos, ao achar interessante a propaganda em forma de texto, video e imagem, curte e compartilha o anuncio.

4.4 Big Data e as opcoes de Tecnologia de baixo custo: Open Source Apache Hadoop

Para implementacao das ferramentas de captura e tratamento dos dados com baixo custo, sera apresentado a tecnologia Open Source licenciada pela Apache, o Hadoop. O Hadoop e essencial para as empresas que desejam criar um ecossistema de negocios baseado em distribuicoes especificas. A computacao em nuvem serve tambem para as empresas trabalhar com o grande volume de dados sem a necessidade de um servidor fisico o Amazon Elastic MapReduce por exemplo oferece esse tipo de servico, desta forma, este servico oferece a infraestrutura para rodar uma aplicacao Hadoop.

A documentacao completa do Hadoop esta no site: http://hadoop.apache.org/docs/current/ e a biblioteca de software do Apache Hadoop possui uma estrutura capaz de processar e distribuir um grande conjunto de dados em clusters de computadores com uma programacao simples e eficaz.

O Hadoop possui dois elementos importantes para destacar, que sao:

* HDFS (Hadoop Distributed File System): que e um Sistema de arquivos distribuidos e que armazena os dados em maquinas dentro de cluster;

* HMR (Hadoop MapReduce): que e um modelo de programacao para processamento em larga escala.

Na Figura baixo e apresentado os dois elementos do Hadoop que sao como dois projetos separados, sendo um framework para processamento paralelo (HMR--Hadoop MapReduce) e o HDFS (Hadoop Distributed File System) um sistema de arquivos otimizados para atuar com dados nao estruturados. E tambem baseado na tecnologia do Google (GFS--Google File System).

A imagem ilustra que para o Hadoop MapReduce processe os dados, os mesmos devem estar armazenados em Hadoop Distributed File System. Para as empresas que desejam trabalhar com um grande volume de dados e nao possui a infraestrutura adequada para o armazenamento, devido ao alto custo com servidores, a solucao pode ser com Hadoop que e um framework Open Source e a computacao em nuvem que oferece poder computacional como virtualizacao atraves da internet. A computacao em nuvem e uma opcao de reducao de custos comparando com servidores locais, de modo que, tambem oferece tres conceitos basicos como servicos que sao: Infraestrutura, Plataforma e Software.

Com Hadoop, o projeto para capturar um grande volume de dados externos e necessario usar os discos locais e os servidores com baixo custo, por isso, neste trabalho foi sugerido a computacao em nuvem. Os dados sao divididos em pequenos blocos e distribuidos por diversos servidores. O processamento seguinte e muito veloz, onde, ao inves de realizar uma pesquisa sequencial, os dados sao pesquisados simultaneamente, em paralelo.

Ja o componente MapReduce do Hadoop e a programacao em si, ou seja, e o que possibilita a escalabilidade massivamente paralela em centenas e milhares de servidores. A primeira tarefa e mapear os dados, de modo que ao acessar um conjunto de dados e converte-los em outro conjunto onde os elementos individuais sao quebrados em pares (chave/valor). Com isso a funcao Reduce e pegar o mapeamento e combinar com os pares (chave/valor) em um conjunto menor, obtendo o resultado.

O Hadoop tem outros projetos relacionados que sao:

* Ambari: E uma ferramenta baseada na web para provisionamento, gerenciamento e monitoramento de clusters Apache Hadoop que inclui suporte para Hadoop HDFS, Hadoop MapReduce, Hive, HCatalog, HBase, ZooKeeper, Oozie, Pig e Sqoop.

* Avro: E um sistema de serializacao de dados;

* Chukwa: E um sistema de monitoramento distribuidos;

* Hama: Serve para computacoes cientificas massivas;

* HBase: E um banco de dados distribuido e escalavel que oferece suporte para o armazenamento de grandes tabelas.

* Hive: E uma estrutura de dados warehouse que oferece resumo de dados e consulta ad hod;

* Mahout: Biblioteca escalavel de aprendizagem e armazenamento de dados.

* Pig: E uma plataforma que permite realizar analises de arquivos muito grandes.

* Spark: E um mecanismo de computacao rapido e geral para dados Hadoop e suporta uma ampla gama de aplicacoes, incluindo ETL, aprendizado de maquinas, processamento de fluxo e computacao grafica.

* Tez: E uma estrutura de programacao de fluxo de dados generalizada

* SooKeeper: um servico de coordenacao de alto desempenho para aplicacoes distribuidas.

5. CONCLUSAO

E essencial compreender que existem outras ferramentas e infraestruturas com baixo custo para trabalhar com Big Data, como por exemplo sistemas de Banco de Dados como o Cassandra, que tambem e um software Open Source utilizado pelo Twitter, Facebook e sites que necessitam tratar com velocidade grandes volumes de dados de forma distribuida. As empresas devem ter em seus portfolios projetos e pesquisas ligados ao Big Data em conjunto com as Redes Sociais e a equipe de Marketing para a criacao de estrategias de captacao de dados, armazenamento e direcionamento das ofertas dos servicos e produtos da empresa. Como foi apresentado, o Hadoop por ser um projeto open source e de baixo custo e pode oferecer muitos beneficios positivos na busca dos resultados. E essencial tambem destacar as principais caracteristicas e capacitacao que um profissional de TI deve buscar para trabalhar com Hadoop:

Para a criacao do projeto de estrutura de dados e Marketing digital, reduzir custos e aumentar as receitas e necessario pensar na cultura, visao e valores da empresa, conhecer o publico alvo, criatividade para o desenvolvimento do site com design moderno e visual de destaque, o marketing de conteudo e importante tambem, alem das publicacoes nas midias digitais. A infraestrutura para tratar com velocidade e seguranca do grande volume de dados como Big Data e computacao em nuvem, e possivel assim reduzir custos. A capacitacao dos profissionais e a parceria com outros profissionais dos diferentes departamentos envolvidos no projeto. Por fim analisar e avaliar o projeto, sugerindo melhorias e adaptando as novas realidades da empresa.

CONSIDERACOES FINAIS

Este trabalho teve como objetivo apresentar como todas as empresas de qualquer setor da economia podem aumentar suas receitas e diminuir custos com a tecnologia da informacao e potencializar seus negocios atraves de estrategias de dados e Marketing Digital, de modo que e necessario obter dados externos, estruturar, armazenar de forma segura e criar estrategias de negocios.

Espera-se que este artigo contribua para criacao de novas ferramentas acessiveis tambem para as micros e pequenas empresas para que possam divulgar seus produtos e servicos, se tornar conhecidos e competitivos no setor em que atuam. Sabe-se que as empresas de pequeno porte por exemplo em alguns casos nao possuem o departamento de TI com profissionais capacitados para criar estrategias de negocios. Outro ponto a destacar neste trabalho e a visao do profissional de TI em relacao a reducao de custos, principalmente com framework Open Source/Software Livre como o Hadoop e assim aumentar as receitas atraves de estrategias de Marketing Digital e Midias Sociais. O papel da midia social para obter informacoes importantes dos clientes com o intuito de atrair novos consumidores e principalmente trabalhar com os dados gerando informacoes importantes para a tomada de decisao. E importante salientar tambem a motivacao que os novos profissionais de TI, Professores e Mestres devem ter na formacao da estrutura de dados voltada para estrategias de negocio e Marketing. E essencial abordar e estudar Big Data nas disciplinas de Banco de Dados, Algoritmos e Estrutura de Dados, Marketing e Estatistica, para a formacao do Cientistas de Dados nas Universidades.

Doi 10.5585/iptec.v6i2.101

Recebido: 04/12/2017

Aprovado: 08/04/2018

REFERENCIAS

Aldrich, Douglas F. (2000)--Dominando o Mercado Digital, [traducao Maria Withaker Ribeiro Nolf, Marisa do Nascimento Paro]; Sao Paulo, Makron Books.

Apache Hadoop, Documentacao: Investigacao. Disponivel em <http://hadoop.apache.org/>

Apache Hadoop, Implementacao: Investigacao. Disponivel em <https://pplware.sapo.pt/linux/ apache hadoop-hoje-vai-instalar-primeiro-cluster/>

Arthur G. Armstrong & Hagel, John (1998)--Vantagem Competitiva na Internet: Como criar uma nova cultura empresarial para atuar nas comunidades virtuais; Traducao Ronaldo Goldbach. Rio de Janeiro, Campus.

Azevedo, Jessica Michelly De Souza (2014)--Big Data e a Industria do Entretenimento: Como a Mineracao de Dados pode auxiliar na producao de conteudo. Investigacao. Disponivel em: http://www.cchla.ufpb.br/ccmd/images/tcc2014/TCC_2014--Big_Data_e_a_Industria_do_Entretenimento-Jessica Michelly1.pdf

Betser, J.; Belanger, D. (2013) Architecting the enterprise via big data analytics. In: Liebowitz, Jay. Big data and business analytics. Boca Raton: Taylor & Francis Group, LLC, 2013.

Campos, Raiza Silva (2013)--Marketing Digital: Uma Analise do Caso Privilege Investigacao. Disponivel em < http://www.ufjf.br/facom/files/2013/11/monografia-raiza-campos-marketing-digital-umaan%C3%A1lise-do-caso-Privil%C3%A8ge.pdf>

Choo, C. W. (2006) A Organizacao do Conhecimento: com as organizacoes usam a informacao para criar significado, construir conhecimento e tomar decisoes. 2 ed. Sao Paulo. Senac Sao Paulo, 2006.

Cintra, Flavia Cristina. Marketing digital: a era da tecnologia on-line. Investigacao, Sao Paulo, v. 10, n. 1, p. 6-12. 2010. Disponivel em: <http://publicacoes.unifran.br>.

Franks, B.; Davenport, T. (2012) Taming the big data tidal wave. John Wiley & Sons, Inc. Hoboken, Nova Jersey, 2012.

Franca De Melo, Leandro--Como O Facebook Tem Usado Massivamente IA, Deep Learning E Machine Learning Em Suas Operacoes. Artigo Investigacao. Disponivel em: < https://www.tiespecialistas.com.br/2017/01/como-o-facebook-tem-usado-massivamente-ia-deep-learning-emachine -learning-em-suas -operacoe s/>

Gleyson, Gazola Murilo--Uma Arquitetura para mecanismos de busca na Web usando integracao de esquemas e padroes de metadados heterogeneos de recursos educacionais abertos em repositorios diversos (2015) Investigacao. Disponivel em: <http://br-ie.org/pub/index.php/sbie/article/view/3042>

Reportagem, Jornal Folha de Sao Paulo: Investigacao. Disponivel em< http://www1.folha.uol.com.br/mercado/2017/05/1874301-capitalismo-de-dados-lucra-com-a-nossaprivacidade -por-enquanto.shtml>

Revista Pequenas Empresas Grandes Negocios. Rio de Janeiro Editora Globo Edicao de Julho de 2017.

Sales, Marcelo Estrategia de Dados e Big Data sao as principais tendencias em TI para 2017. Artigo Investigacao. Disponivel em: <https://www.tiespecialistas.com.br/2017/02/estrategia-de-dados-e-bigdata-sao-as-principais-tendencias-em-ti-para-2017/>

Social Media Marketing Industry Report. How Marketers Are Using Social Media to Grow Their Business. 2013. Disponivel em:

<http://www.socialmediaexaminer.com/SocialMediaMarketingIndustryReport2013.pdf>.

Taurion, Cezar (2015)--Big Data--Rio de Janeiro Editora Brasport.

Turchi, Sandra. Estrategias de marketing digital e e-commerce. Sao Paulo: Atlas, 2012.

White, Tom (2009) Hadoop The Definitive Guide 4th Edition O" Reilly Media

Wooldridge, Dave (2012) O Negocio de apps para iPhone e iPad: Criando e comercializando aplicativos de sucesso/ Dave Wooldridge e Michel Scheneider; [traducao de Sergio Facchim]--Rio de Janeiro: Elsevier, 2012

Como referenciar em APA:

Souza, C. (2018). Estrategia de Dados e Marketing Digital: Novas Formas de Aumentar Receitas e Diminuir Custos. Revista IPTEC, 6(2), 92-107. doi:10.5585/iptec.v6i2.101

Para acessar este artigo: http://dx.doi.org/10.5585%2Fiptec.v6i2.101

(1) Clayton de Almeida Souza

(1) Graduado em Sistemas de Informacao na Universidade Bandeirante de Sao Paulo--UNIBAN, Sao Paulo, (Brasil). E-mail: claytonn souza@hotmail.com

Caption: Figura 1--Campanha Publicitaria--Azeite Carbonell

Caption: Figura 2--Diagrama da Campanha Publicitaria--Azeite Carbonell

Caption: Figura 3: Relacionamento versus Engajamento

Caption: Figura 4: Esquema da divisao do Hadoop MapReduce e HDFS

Fonte: https://pplware.sapo.pt/linux/apache-hadoop-hoje-vai-instalar-primeiro-cluster/
Tabela 1: Atribuicoes e Capacitacao do Profissional de TI para
trabalhar com Big Data

Capacitacao ou Conhecimento minimo       Atribuicoes ou funcao

Cluster management, administracao de     Administradores de Sistemas
Hadoop e analise de performace
Estatistica, programacao SQL e Hive,     Cientistas de dados
expertise em garimpagem de dados e
Business Intelligence, conhecimento da
empresa
Java, Hive, Pig, MapReduce, Python e     Desenvolvedores
ferramentas do Hadoop

Fonte: Taurion, Cezar: Big Data Editora Brasport 2015 p.130
COPYRIGHT 2018 Universidade Nove de Julho
No portion of this article can be reproduced without the express written permission from the copyright holder.
Copyright 2018 Gale, Cengage Learning. All rights reserved.

Article Details
Printer friendly Cite/link Email Feedback
Author:Souza, Clayton de Almeida
Publication:Revista Inovacao, Projectos e Tecnologias
Date:Jul 1, 2018
Words:5623
Previous Article:UNDER SECRETARIAT FOR MANAGEMENT OF PROGRAMS, PROCESSES AND STRATEGIC PROJECTS AS MOLDED BY THE OFFICE OF PROJECT MANAGEMENT: A CASE STUDY IN THE...
Next Article:THE INTELLECTUAL PROPERTY APPLIED TO THE MANAGEMENT OF ACADEMIC SOFTWARE FACTORIES/A PROPRIEDADE INTELECTUAL APLICADA A GESTAO DE FABRICAS DE...
Topics:

Terms of use | Privacy policy | Copyright © 2021 Farlex, Inc. | Feedback | For webmasters